Os 8 benefícios do journaling

Como é que esta prática simples te pode ajudar a superar desafios pessoais?

Sem saber, toda a minha vida fiz journaling. De forma mais ou menos consciente, sempre usei a escrita (não datilografada, é importante saberes) para ordenar as minhas ideias.

“O que os olhos vêm, a cabeça esquece”, costumo dizer frequentemente nas minhas aulas.

E a verdade é que é mesmo assim! O loop na nossa cabeça costuma ser tão grande (não esquecer que o ser humano processa entre 70.000 a 100.000 pensamentos por dia) que acabamos por nos sufocar de ansiedade só com o que se passa dentro da nossa cabeça.

Como podemos então usar o journaling para apaziguar a nossa ansiedade e crescermos?

William Wordsworth escreveu, em relação ao journaling : “Fill your paper with the breathings of your heart.” … qualquer coisa como enche o papel com as respirações do teu coração… é bonito não é?

A verdade é que através de uma escrita não articulada, livre e leve, podes deitar cá para fora todos os teus anseios, os mais e os menos racionais.

O que te aflige, o que te enerva, o que te alegra, o que te aquece por dentro… Literalmente TUDO o que ocupa espaço na tua vida! As tuas emoções, experiências, insights ocupam um determinado espaço na tua cabeça. E assim que o libertas através da escrita livre, tens uma nova noção de ti e de quem tu és.

No fundo é uma prática não só de auto-cuidado, mas de desenvolvimento pessoal.

Então quais são os benefícios do journaling? Imensos, eu só listei 8, mas se começares a praticar, vais perceber que são MUITO MAIS!

ENTÃO, o Journaling:

  • Aumenta a tua auto-estima – Escrever sobre nós próprias, sobre aquilo que sentimos e sobre as nossas experiências, permite-nos identificar os nossos pontos fortes e fracos, e com isso obter um maior auto-conhecimento e confiança;
  • Reduz dos níveis de  Stress e de Ansiedade – Sendo uma técnica que exige foco e concentração, tem os benefícios meditativos de manter a nossa mente ocupada e focada, longe das distracções;
  • Torna o teus objetivos e pensamentos mais definidos – Este é, para mim, talvez um dos maiores benefícios desta prática, uma vez que me “obriga” a parar e a debruçar-me sobre os acontecimentos do dia, reflectir sobre os mesmos e “fechá-los”, deixando de estar em aberto dentro da minha própria cabeça;
  • Melhora a gestão das tuas emoções – Graças ao journaling, aprendes a libertar de forma controlada as tuas emoções e, dessa forma, as tuas reacções tornam-se menos impulsivas e mais analíticas.
  • Aumenta a tua criatividade – Sobretudo porque ninguém mais, senão nós mesmas, lê o que escrevemos, a nossa mente liberta-se e o medo da exposição esvai-se;
  • Activa a tua memória – O journaling é um exercício de retrospecção que mantém a nossa memória activa.
  • Melhora o teu vocabulário e a organização mental – O simples ato de parar, sentar e escrever sobre o dia é um exercício meditativo, que ajuda a organizar a nossa mente.
  • Aprofunda o teu Auto-conhecimento – por tudo o que disse anteriormente, este processo de escrita activa é o melhor para descobrirmos quem somos, e sabermos de que matéria somos feitas!


A melhor parte? É F Á C I L D E P R A T I C A R!

Para começares a fazer journaling, basta teres um caderno, uma caneta e apenas alguns minutos diários.

Vamos experimentar?

Com Amor,

Clara <3

Compartilhe :)

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

Leia mais...

Os 8 benefícios do journaling

Como é que esta prática simples te pode ajudar a superar desafios pessoais? Sem saber, toda a minha vida fiz journaling. De forma mais ou